24 de dezembro de 2011

Marcos 6: 33-1


   A multidão O reconheceu, e correu ate Ele. Todos queriam ouvir Seus ensinamentos, aprender, está perto Dele... Jesus acabava de chegar de sua cidade natal, estava cansado. Consigo imaginar os discípulos dizendo: "Jesus, vamos logo sair daqui, o Senhor está cansado e nós também". Mas a bíblia fala que Jesus teve compaixão daquela multidão, pois ela estava sem um pastor, então Ele começou a pregar.
   O tempo passou, estava tarde, os discípulos chamaram Jesus e pediram que dispensasse a multidão, para que ela pudesse comer em algum lugar perto dali, mas Jesus não queria que as pessoas voltassem para suas casa com fome, então disse para que os discípulos dessem a multidão o que comer. - Imagina só! Os discípulos devem ter se assutados, não? Como eles dariam comida para uma multidão inteira se só possuíam 5 pães e 2 peixes? Aparentemente era impossível, não acha? Mas quem disse que existe impossível pra Deus!? Eles podiam ate não saber, mas Jesus tinha a solução!!! - Jesus dividiu a multidão em grupos de 50 e 100, deu graças ao Senhor, por nunca ter deixado faltar nada, e distribuiu os pães. Todos comeram, todos se fartaram, e no fim ainda havia sobrado 12 caixas com os alimentos. - Bendito seja o Senhor!
   Consigo imaginar o brilho no olhar daqueles 12 homens que presenciaram aquilo, imagino o que pode ter passado em suas cabeças... Algo como: "Esse cara é sem sombra de dúvidas a coisa mais sobrenatural que ja vimos em toda a nossa vida!" Ou ate mesmo pensamento sem muitas palavras: "Não consigo explicar o que aconteceu.. Meus Deus... Meu Deus..."
   Logo após esse milagre Jesus diz aos discípulos para entrarem no barco e irem em direção a Betsaida. Ele iria disperdi-se da multidão e em seguida subiria ao monte para orar. - Esses momentos de oração de Jesus são grandes exemplos, porque mesmo Jesus sendo tudo o que Ele era, ainda assim separava um momento para está só com Deus,  em comunhão, porque há uma profunda importancia na oração.
   Enquanto Jesus orava os discípulos estavam no mar, e, bem...  Havia uma grande ventania nesse momento. Os discípulos não sabiam exatamente o que fazer, estavam com medo e o pior de tudo: Jesus não estava no barco.
   De repente, ao longe, pode se ver alguma coisa se mexendo. Mas o que seria? A imaginação dos discipulos ou um fantasma?  Os discipulos escolheram a segunda opção e ficaram apavorados gritando de medo. - Entenda que aqueles 12 homens são falhos assim como eu e você, creio que naquele momento não havia muito tempo pra se pensar no que seria aquela coisa se mexendo ali na frente, por isso essa escolha -  Jesus chegou mais perto, colocou seus pés sobre o barco e  assim como um pai que faz "shhhhh" e o filho entende que é o momento de se acalmar, o mar se aquietou. A ventania cessou. - AI MEU DEUS! - Os discípulos estavam atordoados, mas uma vez viram o sobrenatural de Deus!

   Quantas vezes eu já tinha lido isso, visto pregações sobre isso, mas hoje eu pude me dar conta da loucura que foi. Imagina como seria se você tivesse visto mais de 2 mil pessoas alimentadas com 5 pães e 2 peixes, Jesus andando sobre as águas, parando uma ventania e muito mais? Louvado seja o nome do Senhor Jesus na Terra e no céu por tudo isso.


Nenhum comentário:

Postar um comentário